Vantagens dos Sistemas Supervisórios

Start-up da ETE de Conchas
7 de março de 2016
Painéis Certificados TTA/PTTA
7 de março de 2016

Vantagens dos Sistemas Supervisórios

Conforme artigo publicado na revista Lumiere edição 210 de outubro de 2015, redigida pelos clientes da VR Painéis, Srs. Miguel Coneglian e Andre Coneglian, proprietários da MA Coneglian, nos ajuda a entender claramente o porquê de cada vez mais as cabines primárias metálicas conhecidas também como cubículos blindados tem ganhado espaço no mercado e nas obras de todo o pais.

Para melhor esclarecimento selecionamos alguns trechos do artigo que visam o esclarecimento e entendimento das exigências normativas e pontos importantes que devemos saber antes de optarmos por essa excelente e econômica solução para as cabines em Média Tensão. Segue trechos do artigo

 

“As cabines de alvenaria necessitam de um espaço relativamente grande para sua aplicação, pois a norma pede iluminação natural e circulação de ar, espaço de 1,20 metros livres para circulações de pessoas e manejo de equipamentos, e um box separado para cada função: Medição, Proteção, Transformação, todas com telas removíveis e grades.

Fora o espaço físico e estético, esse tipo de solução dificulta a possibilidade de futuras expansões, mudança de layout do sistema elétrico, pois possuem um espaço físico próprio que não permite a alteração do lugar onde foi instalado.

 

Já as cabines metálicas garantem a maior proteção dos equipamentos, pois estão protegidas por invólucros metálicos, exigem baixa manutenção e garante operações seguras. Exclusiva para entrada de Ramais subterrâneos, só a saída que pode ser área se o cliente preferir.

Os módulos são resistentes ao arco interno, que oferecem outra garantia de segurança muito importante.

Essa solução precisa conter transformador de potencial, chave seccionadora, transformador de corrente, disjuntores, nobreaks, relé de proteção, para raios.

Aplicação em Obra

Agilidade do trabalho em campo, menor tempo na execução elétrica e futuras manutenções devem seguir as orientações e discriminações estipuladas no projeto.

Para garantir a proteção e evitar a aproximação de pessoas, telas e portas devem seguir as condições do item  5,1 da NBR 14039.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *